Os nossos contactos

Endereço Postal

APT 856
8125-911 Vilamoura
Algarve - Portugal

Telefone (+351) 289 303 280
Fax (+351) 289 303 288

colegiodevilamoura@civ.pt
Filosofia para crianças e jovens

Filosofia para crianças e jovens

O Colégio Internacional de Vilamoura tem-se afirmado, ao longo da sua história, como escola inovadora, de excelência na formação dos alunos e pioneira nos projetos pedagógicos em que se envolve. Enquanto escola internacional, para além de ministrar dois currículos, o Currículo Nacional (Ministério da Educação e Ciência) e o Currículo de Cambridge (Cambridge International Examination), concentrou-se num currículo de compreensão e no desenvolvimento das competências cognitivas e socio afetivas dos alunos.

Na década de 90 inicia as aulas de Filosofia para Crianças e Jovens, que hoje fazem parte da estrutura curricular desde o Jardim de Infância ao 9º ano. A aposta na formação das equipas pedagógicas traduziu-se na implementação de um projeto, à época, aplicado em mais de 30 países de cinco continentes que seguiam a “escola” Mathew Lipman.

O CIV, hoje, com reconhecimento nacional e grande prestígio internacional, encara a Filosofia para Crianças e Jovens como uma área estruturante do currículo da escola. A capacidade de questionar o mundo, de conhecê-lo na sua diversidade e compreendê-lo nas suas realidades divergentes, de tomar decisões conscientes, de procurar soluções criativas para a resolução de problemas definem o perfil do aluno que faz reflexão filosófica, o que se traduz, naturalmente, nos seus resultados académicos.

A disciplina de Filosofia para Crianças e Jovens organiza aprendizagens em torno de uma outra prioridade que visa desenvolver o raciocínio autónomo, crítico e criativo, e promover as inteligências intra e interpessoais. Neste espaço, as crianças e jovens aprendem a pensar e a questionar o mundo que os rodeia. Um aspeto importante: a expressão dramática poderia fechar este ciclo de aprendizagens específicas de um projeto de educação internacional organizadas em disciplinas ou áreas disciplinares. Desde muito cedo, as crianças devem aprender a falar em público e a desenvolver lógicas de pensamento articuladas.